quarta-feira, 30 de novembro de 2016

É hora de virar a página!

Imagem reprodução: Google

Virar a página de uma história nunca foi uma tarefa fácil pra mim. 
Serei sincera: não sei desapegar!
Não sei desapegar de roupas, sapatos, livros, filmes e muito menos de pessoas. Mas, como praticar o desapego é necessário na vida de todo mundo, tive que aprender.
E oh, que tarefa difícil!
Aprender a deixar as coisas irem embora da minha vida é muito difícil. Juro! Achei que não fosse conseguir. 
Mas me enganei (e como fiquei feliz por estar enganada)!
Desapeguei. Das roupas, sapatos, livros, filmes e principalmente, de pessoas!
Gente, isso faz um bem danado. Sério!
Eu não imaginava como se sentiria ao me ver livre de coisas (e pessoas) que só me faziam mal. Sabem aquelas pessoas que sugam sua energia igual parasita? Se livrar delas faz muito bem à saúde. 
Hoje, depois de passar uma noite bêbada, tentando me manter forte e não chorar na sua frente, decidi começar um novo capítulo da minha história. 
Vou virar a página! Recomeçar!
E quer saber de uma coisa: que maravilhosa é essa sensação!
Ontem, achei que uma Brahma gelada cairia bem. Mas hoje, tenho certeza que virar a página vai cair bem melhor!



Jussara Souza, 23 anos, 

graduanda em jornalismo pela 
Universidade Federal de Juiz de Fora, 

Vice presidente, Diretora de Protocolo e 

Diretora de Imagem pública na empresa 

Nenhum comentário:

Postar um comentário